10% de desconto na sua primeira encomenda e envio gratuito no prazo de 48h em encomendas superiores a 40 euros.
DESCONTOS ÚNICOS 10% DE DESCONTO

Tens dependência do tabaco? CBD para deixar de fumar

Tens dependência do tabaco? CBD para deixar de fumar

Efeitos do tabagismo

O tabaco é uma planta cujas folhas foram fumadas, mastigadas ou cheiradas durante centenas de anos. O tabaco contém nicotina como substância ativa, mas também contém mais de 7.000 produtos químicos, dos quais pelo menos 70 são conhecidos por causar cancro (1).

As doenças cardiovasculares nos fumadores são três vezes mais elevadas do que no resto da população.

Fumar um cigarro envolve a exposição a numerosas substâncias tóxicas e insalubres, para além do risco de desenvolver dependência. O monóxido de carbono, uma das principais toxinas, é encontrado no fumo do tabaco e passa para o sangue através dos pulmões nos alvéolos. É responsável por danos no sistema vascular, por um lado, e por uma diminuição do transporte de oxigénio para os tecidos do nosso corpo, por outro. Provoca fadiga, tosse e expectoração e, em contraste com a imagem atraente que por vezes tem, o tabaco produz algumas alterações indesejáveis pouco depois de começar a ser consumido, entre as quais encontramos:

  • Rugas prematuras na zona do lábio superior, à volta dos olhos (pés de galinha), queixo e bochechas, e descoloração acinzentada da pele que constitui o chamado "rosto do fumador".
  • Manchas nos dentes, infeções e cáries dentárias.
  • Mau hálito e odor corporal devido à impregnação do odor do tabaco.
  • Manchas amareladas em unhas e dedos (2).

A médio prazo, pode causar vários problemas ou riscos de saúde não tão bem conhecidos, tais como:

  • Má cicatrização de feridas após cirurgia.
  • Problemas durante a gravidez, tais como baixo peso à nascença, parto prematuro, aborto espontâneo e lábio leporino fendido.
  • Diminuição da capacidade de paladar e cheiro.
  • Danos no esperma, o que causa esterilidade.
  • Perda de visão devido ao aumento do risco de degeneração macular (1).

A longo prazo, é a principal causa de cancro do pulmão, doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC) e arteriosclerose periférica (má circulação sanguínea), bem como uma das principais causas de doença cardiovascular e cerebrovascular. Fumar também causa outras doenças crónicas e aumenta o risco de doenças em pessoas que fumam em comparação com não fumadores. As doenças causadas pelo uso do tabaco têm um forte impacto na esperança de vida nas sociedades ocidentais. As quatro principais causas de mortalidade são cancro, doença cardiovascular, doença cerebrovascular e doença pulmonar obstrutiva crónica, bem como a obesidade (3).

Porque é que é tão difícil deixar de fumar?

Não há dúvida que a dependência do tabaco é um problema de saúde e que deve ser abordado como tal e de forma coordenada por todo o grupo de profissionais de saúde e, em geral, por todos os organismos com o poder de modificar os hábitos sociais. Uma vez que sabemos tudo isto, temos de nos perguntar: por que razão deixar de fumar é sempre um grande desafio?

Para o fazer, devemos compreender que a nicotina é potencialmente viciante devido aos certos efeitos "positivos" que pode produzir. Como estimulante, liga-se aos recetores nicotínicos (nAChRs) e produz euforia, melhora a atenção, aumenta a vigília e diminui o tempo de reação. Estes efeitos são produzidos pelo aumento de certos neurotransmissores tais como a dopamina, a acetilcolina ou a noradrenalina. Os fumadores relatam que fumar os desperta, alivia a sua memória, acalma-os e ajuda-os a lidar com o stresse. Estes efeitos "positivos" só são sentidos por fumadores regulares, uma vez que a nicotina é principalmente desorientadora para os não fumadores, e é necessária uma exposição repetida para que os efeitos positivos de reforço da nicotina sejam estabelecidos.

Na realidade, porém, muitos dos efeitos que podem ser observados nos fumadores são principalmente devidos a uma atenuação da sintomatologia da abstinência, detectável sobretudo ao acordar de manhã após o período de privação noturna. A dependência e subsequente retirada deve-se principalmente à ativação do sistema de recompensa no cérebro, mediada principalmente pelo neurotransmissor dopamina entre a área tegmental ventral e os núcleos acusados (ver imagem) (3 e 4).

Interacción de la nicotina en el sistema de recompensa.

Quando uma pessoa deixa de fumar, é confrontada com uma fase típica de abstinência que se inicia após algumas horas e atinge o seu pico dentro das 24-48 horas. Desejo urgente de fumar, ansiedade, tensão, irritabilidade, dificuldade de concentração, sonolência, diminuição do ritmo cardíaco e da pressão arterial, aumento do apetite e do peso, entorpecimento motor, aumento da tensão muscular, etc., são os principais sintomas com que um fumador tem de lidar quando decide deixar de fumar. A maioria destes sintomas atenuará ou diminuirá significativamente de intensidade dentro de 4 semanas, com excepção da sensação de fome e do desejo de fumar, que pode durar 6 meses ou mais. Para além de tudo isto, devemos compreender que em muitos casos fumar torna-se um ato de socialização ou de interação com as pessoas à nossa volta, e torna-se parte da nossa rotina diária. Como qualquer outro comportamento viciante, deixar de fumar e perseverar nisso é particularmente difícil.

Apenas 10% das pessoas que tentam por conta própria conseguem deixar de fumar, enquanto a taxa de cessação aumenta para quase 60% nos que utilizam programas estruturados de cessação do tabagismo (4).

E o CBD é viciante?

O vício é a necessidade urgente ou compulsiva de voltar a tomar uma droga para experimentar a recompensa que produz; droga é qualquer substância natural ou sintética que gera, no caso da nicotina: estimulação, euforia, prazer, aumento da atenção, concentração e memória, bem como diminuição da ansiedade, stresse e apetite. Quando uma substância produz alterações físicas diretas a nível fisiológico, é produzida uma dependência física da mesma para manter um estado normal. Portanto, no momento em que paramos de consumi-la, podem ocorrer danos porque o corpo se acostumou a ela, o que dá origem a sintomas de abstinência. Além disso, a tolerância ocorre frequentemente, uma vez que doses cada vez mais elevadas são necessárias para alcançar o efeito desejado ou para manter o estado normal do organismo (5). 

Por outro lado, também pode ocorrer dependência psicológica, que envolve um desejo mental pela substância, o que faz com que a pessoa acredite que precisa realmente dela, quando não é esse o caso. Este desejo ocorre principalmente pela experiência dos seus efeitos agradáveis, prazerosos e/ou evasivos. Contudo, se a utilização cessasse, não haveria síndrome de abstinência, uma vez que a substância não produziu quaisquer alterações físicas notáveis a nível fisiológico e não foi gerada qualquer tolerância (5). 

O CBD tem demonstrado ser uma substância que não produz qualquer dependência física ou tolerância.

O CBD tem demonstrado ser uma substância que não produz qualquer dependência física ou tolerância. Embora seja uma molécula que interage com recetores canabinóides e produz efeitos farmacológicos, não produz tolerância ou alterações físicas que conduzam à retirada. A dependência psicológica não está isenta em caso algum, nem para o CBD nem para qualquer outra substância, pois é marcada por factores psicológicos e hábitos de consumo implícitos a cada indivíduo (6). 

Óleo de CBD para deixar de fumar: É útil? Como é que funciona?

Como já vimos anteriormente, deixar de fumar pode ser um grande desafio devido a vários fatores, mas principalmente devido à abstinência de nicotina. Os sintomas de abstinência incluem o aumento da irritabilidade, ansiedade e stresse. Ver o nosso artigo sobre os efeitos do CBD no stresse.

O CBD pode melhorar estes sintomas diretamente, uma vez que é capaz de ativar o recetor 5-HT1A, o que pode levar ao aumento da ação do neurotransmissor serotonina envolvido em efeitos ansiolíticos e de aumento do humor. Além disso, também ficou demonstrado que melhora a qualidade do sono ao facilitar o descanso e reduzir o nível de stresse durante a abstinência (7).

Durante o processo de abstinência, podem também ocorrer certos processos inflamatórios nos pulmões e dores de cabeça, no que o CBD pode ser um aliado, dadas as suas caraterísticas analgésicas e imunomoduladoras. Embora não tenham sido publicados estudos importantes para avaliar a ação direta do CBD na cessação do tabagismo, existem algumas indicações que indicam uma melhoria no processo de cessação do tabagismo e uma possível redução da recaída do tabaco (7). 

Com base em todos estes argumentos, podemos argumentar que o CBD poderia ser um aliado na cessação do tabagismo, e atuar como um adjuvante no caso de um bom planejamento com terapia farmacológica anti-tabaco.

Bibliografia:

  1. https://medlineplus.gov/spanish/ency/article/002032.htm
  2. https://pnsd.sanidad.gob.es/ciudadanos/informacion/tabaco/menuTabaco/efectos.htm
  3. Edler von Eyben et al. Riesgos para la salud derivados del consumo voluntario de tabaco; Rev. Esp. Salud Publica vol.77 no.1 Madrid ene./feb. 2003
  4. J. Pozuelo et al. Farmacología de la nicotina; Rev. Medicina integral Vol. 35 no. 9 pág. 409-417 Mayo 2000
  5. Antonia Garrote, Ramón Bonet; Tabaquismo y adicción tabáquica; Rev. Edu. Sanitaria, Ámbito Farmacéutico. Vol. 21. No. 1 pág. 66-73; Enero 2013
  6. https://www.institutocastelao.com/adicciones-diferencia-entre-dependencia-fisica-y-psicologica/
  7. https://nuevo.thebeeminelab.com/oms-sobre-el-uso-de-cbd/
  8. Resstel, Leonardo B M et al. “5-HT1A receptors are involved in the cannabidiol-induced attenuation of behavioural and cardiovascular responses to acute restraint stress in rats.” British journal of pharmacology vol. 156,1 (2009): 181-8. doi:10.1111/j.1476-5381.2008.00046.x
  9. Morgan CJ et al. Cannabidiol reduces cigarette consumption in tobacco smokers: preliminary findings. Addict Behav. 2013 Sep;38(9):2433-6. doi: 10.1016/j.addbeh.2013.03.011. Epub 2013 Apr 1. PMID: 23685330.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

CBD, o seu momento diário da natureza.
Descubra todos os nossos produtos
Ir para a loja
Quando a tecnologia e a natureza se encontram, o resultado é O Laboratório Beemine.
Tienda

Subscrever a Newsletter

usercartmagnifiercrosschevron-downplus-circle
0
    0
    O meu carrinho
    O carrinho está vazioVoltar à loja